A8: o Audi inteligente

Quarta geração do sedã de luxo é considerada a mais autônoma do mundo. Sistema de pilotagem conduz o carro no trânsito e estaciona o veículo sem a ajuda do motorista.

A grande novidade do sedã Audi A8 apresentado em julho pela montadora alemã, em Barcelona, é, sem dúvida, o seu sistema inteligente de pilotagem. O Pilot Driving é considerado um dos mais autônomos e modernos do mundo, capaz de conduzir o novo carro sem que o motorista sequer esteja presente ou com as mãos no volante.
É o caso do Traffic Jam que, com seus muitos sensores ultrasônicos, câmeras e até um dispositivo laser, controlam o carro em caso de trânsito congestionado, mantendo-o a uma distância segura dos demais. Caso a velocidade do fluxo ultrapasse os 60km/h, o sistema avisa ao motorista para que ele reassuma o controle do sedã.
Já os assistentes de estacionamento remoto e de garagem manobram o novo A8 sem a necessidade da presença do motorista. Ele, inclusive, pode estar fora do carro e acionar o sistema do aplicativo myAudi, de seu smartphone. Dá até para acompanhar a manobra na tela do celular, ao vivo, com as imagens das câmeras frontais e de ré.

Novo Audi A8 vem com sistema inteligente de direção para trânsito pesado e parking

Imponente
O novo Audi A8 segue com a alquimia da montadora de combinar materiais leves, tração total e apelo esportivo. O sedã vem em duas versões, de 5,1m e 5,3m de comprimento, com a carroceria com linhas ‘musculosas’ e grade frontal totalmente reprojetada.
Sob o capô, o topo de linha da Audi traz cinco versões de motorização: dois V6 turbo – o 3.0 TDI (286hp) e 3.0 TFSI (340hp), à diesel e gasolina, respectivamente. Outras duas versões de oito cilindros, de 4.0 TDI (435hp) e 4.0 TFSI (de 460hp), e a versão W12, de 6.0 litros. Os três últimos tipos ainda estão em fase de desenvolvimento final e não estarão disponíveis por pelo menos até o ano que vem.

Interior luxuoso
Internamente, o novo Audi A8 também é inovador e muito sofisticado. O banco traseiro direito, por exemplo, conta com quatro ajustes de posição e conta até com um massageador para os pés instalado no assento à sua frente. No apoio de braço entre os bancos traseiros, um console digital controla os sistemas de entretenimento, ar condicionado e até chamadas telefônicas, tudo de um controle remoto que mais parece um smartphone.

Conforto absoluto para o passageiro executivo no novo sede da Audi

O nível de acabamento é impressionante em todos os modelos do novo sedã. E, de novo, a tecnologia salta aos olhos de quem dirige o carro. A marca aposentou o familiar botão giratório e o touchpad das versões anteriores para incorporar três paineis digitais. O primeiro deles, atrás do volante, trás o velocímetro e demais marcadores. No console central, uma tela de 10,1 polegadas e sensível ao toque, é responsável por comandar quase tudo o mais no carro. Há ainda uma tela menor, logo abaixo, com mostradores do ar condicionado.

Cockpit do novo A8, com multitelas digitais no painel e no console central

O motorista poderá, ainda, solicitar por comando de voz algumas informações sobre o trajeto, mídias e localizações. O mapa GPS é bastante detalhado, traz as principais cidades europeias em 3D e aceita comandos touch.
O novo Audi A8 2018 será vendido na Europa a partir de 90,6 mil euros para a versão TDI e 94,1 mil para o modelo L (veja mais fotos desta versão em nossa página no Facebook, clicando aqui). Ainda não há previsão de chegada do modelo ao Brasil.
Assista em nosso canal no YouTube o vídeo de apresentação do modelo disponibilizado pela Audi. Clique aqui.

(Da Redação|SP)